Só uma imensa vontade de partilha, para que a todos tudo chegue, me move...tudo o que seja pensado acima desta "fasquia" medida por uma fraqueza humana (EU mesmo) mas confiante na Providência Divina, são meras suposições humanas que eu declino em amor e verdade perante Aquele que "sonda os corações e conhece os pensamentos mais escondidos."


"Sobre os teu muros Jerusalém colocarei sentinelas que dia e noite anunciarão o NOME do SENHOR."


Não faz o obreiro mais do que lhe é devido.


Discípulo do Mestre Jesus Cristo

Servidor do Pai Criador em espírito e verdade

Porque assim quer o PAI que O sirvam

e Adorem

26 outubro, 2012

Vagueio na mente e encontro-me estando ausente


...Mas se não me conhecer…como te posso amar? Pois não me conhecendo, não sei do que gosto ou não gosto…simplesmente faço coisas…que não me preenchem nem satisfazem…nunca.
Quando me conheço, sei e faço o que gosto.

“Cabe ao homem formular projectos no seu coração, mas do Senhor vem a resposta da língua. Todos os caminhos parecem puros ao homem, mas é o Senhor quem pesa os corações."
Prov. 16


São duros fisicamente este dias. Vivi vários momentos absolutamente dolorosos. Constante. Está a reduzir aos poucos. Foi da ida ao médico (prescreveu-me o que eu estava a tomar até acertou no venotropico) J
Hoje na festa da escola das meninas houve um momento que senti que ia desmaiar. Depois… 

–fica, tranquiliza-te. Ao chegares a casa serás aliviado. Um pouco é agora. Confia sempre.
Agora também venho criar condições mostrar-te.

- És Tu não és Senhor?

Terás tu outra pergunta? Talvez, o que te importa?
Confia no Teu Senhor…Pois, saberás sempre...


Se não me perco nunca me encontrarei.
Se não me perder nunca me vou procurar
E nunca me vou encontrar.
Preciso de me perder, vezes sem conta até me encontrar por completo.
Porque eu estou no EU SOU e eu só sei estar, não sei ser, até me perder para me encontrar.
E para me encontrar tenho de me perder e ganhar consciência que me perdi para me encontrar em mim. Mas ainda assim, para me encontrar - em mim - a consciência de que me perdi tem de partir  de mim. Aqui.
Do princípio e do fim. Onde acaba e começa. Ter tudo e nada. E outra vez. Até compreender.
Quando esta consciência de realidade reveladora e consonante com a dimensão misteriosa de tudo o que não sei, não é por mim tida como estrela que guia – porque eu sou mais do que realizo -, a  segurança do mundo, ela própria criatura, me mostrará formas, sucessivamente, de me perder…para que possa iniciar essa busca superna.
Mais do que como estou, Tu amas-me pelo que sou.
É cá que estou mas é de lá que EU SOU.
Assim Tu és, mas já não estás, porque és em Mim que Sou.
Eu sou Luz e Verdade
Eu sou caminho e esperança
Eu sou fé e coragem.
Eu sou solidão que partilha
Eu sou Ser.
Eu Sou TU.
E TU és Tudo.

Abraços, beijinhos, mas acima de tudo AMOR Maior muito Amor para todos

Sem comentários:

Enviar um comentário

...perdoa a estrutura.
É fraca. Fortalece-a com a tua partilha.
Estás em casa. Senta-te. Demora-te. Fica para sempre. Só te peço que enquanto aqui estás...penses em ti.
Porque enquanto pensamos em nós pensamos em algo mais elevado do que somente estar.
...por isso quero que estejas e sejas tu própria/o.